Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU ANJO SEM ASAS.

Ainda que meus olhos sejam tristes
Dentro de mim é festa
Quando eu ouço sua voz
E seu sorriso tão lindo
Inocente desse mundo!

Seus olhinhos curiosos
Suas mãozinhas pequenas..mas forte
De uma força que me sustenta!

E seu ritmo apressado
Correndo e se transformando
Hora em vento
Hora em passarinho
És  tão doce menininho!

Bracinhos que envolvem e acariciam meu sonho
A força de um furacão que passa pela casa
E a preenche de tantas emoções.
E bagunça e de carrinhos e declarações constantes
Do amor que sentes por nós!

Não há quem não ria ao ouvir suas histórias
A que mais gosto é aquela que o João do pé de feijão..
Coloca os bichos na arca e depois se esconde
Na casa do porquinho mais inteligente!

É tanta fábula que cria, tanto riso, tanta alegria
E eu continuo a ti ver crescer
E cresço olhando você meu menininho!

Quando adormece de mãos juntas, feito anjo em oração!
Eu olho pra ti abençôo tuas mãos
Que não me falte o carinho delas
E que eu possa unir a elas as minhas
Como um afago em teu coração.


DEDICO ESTE POEMA AO MEU FILHO DANIEL, POR SER ELE UMA CONSTANTE DE ALEGRIA E DE TERNURA QUE INUNDA NOSSO LAR, QUE AOS IRMÃOS, AO PAI E A MIM ABENÇÔA COM SEU AMOR SEM EXIGÊNCIAS E AINDA TÃO INOCENTE. AO NOSSO DANIELZINHO "O PIPPO" COM TODO O MEU AMOR, E A ESPERANÇA DE QUE ELE SE TORNE UM HOMEM MAS PERMANEÇA O MENINO QUE SEMPRE SERÁ AMADO POR TODOS NÓS"   TE AMO FILHINHO!
S.P. 05.11.07
Cristhina Rangel
Enviado por Cristhina Rangel em 05/11/2007
Código do texto: T724908
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristhina Rangel
São Paulo - São Paulo - Brasil, 47 anos
1085 textos (27995 leituras)
19 áudios (660 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:15)
Cristhina Rangel