Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

APENAS VOCÊ
Porque me julgas sem me conhecer,
porque me ofendes
sem nem ao menos me escutar,
me deixar falar, tentar me defender.
Pra você já sou culpado,
já fui condenado e você nem notou
que ainda estou aqui do seu lado,
tentando chamar a sua atenção.
Tentando dizer que não posso ser feliz
sem o teu amor,
pois apesar de tudo a minha solidão
é a tua ausência nos meus dias
e a minha dor é saber
que você não gosta de mim
e não pode assim,
ser a minha alegria.
Mas por favor
não me veja como um mal,
nem como algo intocável e irreal.
Sou tão palpável e só você não vê
que tudo o que mais quero
é apenas amar você . . .

homenino poeta
Enviado por homenino poeta em 06/11/2007
Reeditado em 06/11/2007
Código do texto: T726445

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (homenino poeta http://www.homeninopoeta.prosaeverso.net/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Áudio
APENAS VOCÊ - homenino poeta
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
homenino poeta
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
2153 textos (102533 leituras)
69 áudios (15242 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 09:02)
homenino poeta