Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR...DOCE NÉCTAR DA VIDA!


O meu idílio é viver demasiadamente
o amor, quase infinito, que punge dentro
deste pequeno espaço físico quando as suas asas
reclamam horizontes infindos!

A ausência de uso e,
mesmo no desuso,
as ferrugens agridem o gosto das palavras!

Mas não enfrento esse martírio porque é melhor
viver com ele do que sentir o peito
emurchecer como rosa que perde o viço
quando falta-lhe o doce néctar da vida!

©Balsa Melo
18.06.06
Cabedelo - PB

 
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 07/11/2007
Código do texto: T726870
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87155 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 11:07)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)