Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sina

Nasci do verbo esperar
Com uma interrogação na testa
E um uivo louvando a lua.
Vendo a luz, soube que ia
Dar os meus primeiros passos
Em trilha de reticências
Ferindo sem dó, os pés.
Fadada a viver no ar
Espiava  o amor nas frestas
Ilusão  cobiçada e nua
Enquanto a labuta vestia
Mil afazeres  devassos
Ali nas adjacências
Do suor suspenso em fé.

 

 




 
Elane Tomich
Enviado por Elane Tomich em 17/11/2005
Código do texto: T72761
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Elane Tomich
Teófilo Otoni - Minas Gerais - Brasil
319 textos (11440 leituras)
1 e-livros (126 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:25)
Elane Tomich

Site do Escritor