Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRAZERES DIFÍCEIS E FÁCEIS


PRAZERES DIFÍCEIS E FÁCEIS



Em nome do amor,
engravidei
tua alma o mais que pude,
e sem espaço ao corpo,
por mais filhinhos que treinássemos,
toda aura ficou visibilíssima!...

ficamos cobaias
dispostos para o constato da ciência
[a explicar]
qual o tamanho da felicidade
que os humanos julgam perceber.

Em nome do amor,
engravidei
tua alma com prazeres fáceis,
quase mundanos;
enquanto os répteis, sempre chocados,
comem-se pelos olhos
num egoísmo canibalesco!...

ficamos extintos
[quase]
graças à morada em apartamentos,
pela multiplicação desenfreada dos telefones,
por causa do encarecimento da gasolina,
enfim,
por tudo provável que evita
o toque dos olhos e o olhar da pele.

Em nome do amor,
engravidei
tua alma com suaves sopros ouvidos;
enquanto os jovens aprendem
com a mal-vinda ciência
o desnecessário prazer da gestação
enquanto a alma desemprenha. .
Djalma Filho
Enviado por Djalma Filho em 21/03/2005
Código do texto: T7292
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Djalma Filho http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=686). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Djalma Filho
Salvador - Bahia - Brasil
658 textos (19516 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:44)
Djalma Filho