Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lua

Olhando a lua, soltando o grito.
Peito magoado, dilacerado.
Nua, solitária, diante de uma dor gigante.
Onde havia alegria, nada há como antes.
Entreguei meu ser ,não me guardei.
Em águas profundas mergulhei, na certeza de que encontraria paz.
Buscando a felicidade, nada mais.
Agora lhe digo, não encontrei, ainda não encontrei.
gelbatere
Enviado por gelbatere em 09/11/2007
Código do texto: T729516

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
gelbatere
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil, 52 anos
64 textos (1457 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 20:32)
gelbatere