Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O FIM... NÃO ME ALCANÇA (apesar das pernas longas)

O FIM
PERTO DE MIM,
CORRO
CORRO,
ELE VEM ATRÁS
COM SUAS PERNAS LONGAS,
CORRO
CORRO,
ENTRO NO BAR
COPO SUJO
TOMO UMA DOSE
DO VELHO QUE
SAIU DO BARREIRO,
ELE VEM ATRÁS
ENTRO NO BANHEIRO,
SUBO NO VASO
MAS NÃO CAGO NAS CALÇAS.
ELE NÃO ME ACHA
MAS NÃO DESISTE,
INSISTE.
CORRO
CORRO,
O VEJO DA ESQUINA
SERÁ MINHA SINA?
ELE ESCUTA MEU RISO
ESTRIDENTE.
PRENSO A LINGUA
NO DENTE,
LABIOS DORMENTES,
CORRO
CORRO,
ELE VEM COM
SUAS PERNAS LONGAS
SEM MEIO DE LONGA
AINDA CANTA A MILONGA,
E EU...
CORRO
CORRO,
ARMO O BOTE
TROPEÇO NO POTE
E MIJO NO POSTE.
ELE VEM
EMBEBIDO NA ÂNSIA,
ENSOPADO DE GANÂNCIA.
E EU...
CORRO
CORRO.
PULO O MURO
CAIO COMO
UM FRUTO MADURO,
DENTRO DE UM MAUSOLÉU
CHEIO DE VERDUGO..
TIRO A BOSTA DO PISANTE
RESO PERANTE A IMAGEM
ANDANTE.
E CORRO
CORRO.
MAS ELE ME PERSEGUE
ATIRA NA MINHA SOMBRA
ERRA E ACERTA A LONTRA.
E EU..
CORRO
CORRO,
ENTRO NA CASA DAS SENHORAS
LÁ FICO HORAS.
E LÁ VEM ELE
NUM CONTRA PASSO
COM SUAS PERNAS LONGAS,
E EU...
CORRO
CORRO,
ENFIO A MÃO NO NARIZ E
TIRO MELECA
PASSO NO CABELO DA LECA
PEÇO AJUDA AO ZECA...
E CORRO
CORRO
E ELE VEM EM SEGUIDA
COM A CARA LAMBIDA
ENXERGA-ME NA SUBIDA.
SUBO EM DESATINO
SERÁ ESSE MEU DESTINO?
ENTRO NA IGREJA
ESCONDO ATRÁS DO SANTO DE GESSO
DEITO E ADORMEÇO
QUANDO VEJO, ESTOU NO COMEÇO...
DOU UMA GARGALHADA
QUE ENORME PALHAÇADA.
E CORRO
CORRO...
ONDE ESTÁS?
QUE ATÉ HOJE NÃO ME ALCANÇOU
APESAR DE SUAS PERNAS LONGAS..







 


Rommyr Fonttoura
Enviado por Rommyr Fonttoura em 09/11/2007
Código do texto: T730102
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rommyr Fonttoura
Mariana - Minas Gerais - Brasil
265 textos (9735 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 18:03)
Rommyr Fonttoura