Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vida nocturna das árvores




Imagino a vida nocturna das árvores,
Que saem como aves das raízes,
Voando almas, libertando-se da matéria.
Multiplicando deuses, exalando sonhos.
Voam livres de um canto contido,
Do que vêem do que ouvem do que sentem,
Dum saber infinito da espera, da testemunha.

Ou não sentem? Ou não vêem, ou não ouvem?
E o seu voo nocturno é uma metáfora
De um lamento,
Como eu no sofrimento.
Constantino Mendes Alves
Enviado por Constantino Mendes Alves em 10/11/2007
Código do texto: T732147
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Constantino Mendes Alves
Portugal
324 textos (3794 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 13:22)
Constantino Mendes Alves