Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ah! gostos.

AH! GOSTOS.

É chegada a hora de parar de sentir saudades
Vamos matando-a por partes
Que agosto entre
Cheio de gostos de novas sensações
Que objetos antigos não tragam lembranças
E que seus olhos consigam enxergar o outro lado da lua.
Um abraço em todos
E visão adiante
Que as paredes reflitam o novo
E o coração bata para frente
Arranjando espaço para outros amores
Empreendendo saber
Derrubando cercas farpadas com alicate
Que doçura de futuro
Que agosto entre
Cheio de gostos diversificados
Digestivos, saborosos, cheirosos
Sem amarras em estacas do passado
Sem o bocejar da preguiça
E com o hálito da lucidez
Antes
Uma passada pelo colo macio da mãe
Que saudades da mãe
Que agosto entre
Cheio de gostos do norte de Minas.
catrofe
Enviado por catrofe em 11/11/2007
Código do texto: T732963
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
catrofe
Montes Claros - Minas Gerais - Brasil, 38 anos
39 textos (823 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 03:51)
catrofe