Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ATÉ QUANDO?




ATÉ QUANDO?...



Como será, mesmo, que tudo se passa?

Seremos nós que o amor procuramos,
ou o amor que a nós procura?

Seremos nós que o amor encontramos,
ou ele que nos toca e assim perdura?

Será que estas são  perguntas que se faça?

Porque o amor acontece,
porque o amor aparece
para vivermos enamorados,
loucamente apaixonados!

Há que saber o amor aceitar
e o verbo amar conjugar...
Fazer o outro sentir-se amado,
deveras querido e desejado!

Não só se deixar amar. Mas amar, AMANDO!

Amar sem amarras, sem freio, sem limite.
O amor é um bem que nada há que o imite!

O amor é o poder que dá vida à nossa vida,
vida precária que só nos garante a despedida!

Por isso, amemos doidamente...Até QUANDO?


HELENA BANDEIRA
Enviado por HELENA BANDEIRA em 18/11/2005
Código do texto: T73317
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HELENA BANDEIRA
Portugal
397 textos (11665 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 07:39)
HELENA BANDEIRA