Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ADRENALINA

 
 
Sinto atração pelos perfumes marcantes
Adoro aspirar o cheiro espalhado pelo ar
Gosto de sabores especialmente picantes
Provocando deliciosamente o meu paladar
 
Tomo a bebida mais ardente de um só trago
Só para fazer meu corpo estremecer
Caminho à beira de um penhasco
Extravasando a adrenalina por prazer
 
Se me sinto triste, amarga e carente
Quero beber o veneno mais forte
Sorvendo cada gole lentamente
E depois destila-lo desafiando a morte
 
Se você se surpreende com minhas idiossincrasias
É porque cultiva as suas com medo e ocultamente
Prefere navegar num mar de falsas calmarias
Se negando às delícias de viver perigosamente!
 
 
Sônia Maria Grillo
(Baby®)

 
12.11.2007
Rio de Janeiro-RJ
 
Baby
Enviado por Baby em 13/11/2007
Reeditado em 18/06/2011
Código do texto: T735006
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Baby
Vitória - Espírito Santo - Brasil
587 textos (22144 leituras)
2 e-livros (177 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 05:25)
Baby