Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Frieza!

Estou com os pensamentos calados
Querendo vomitá-los...
Mais eles insistem em ficar corroendo meus impulsos
É uma desgraça continuar com esse incomodo.
Enquanto o amor viaja, eu me escondo.
Suspiro baixo para ninguém perceber minha tristeza
É lamentável pensar tal bobagem!
Eu viajo demais, até perder o controle,
Fico fria e sem motivos confirmo minha certeza
Carrego minha ilustre bagagem.
Meu amor estar feliz, eu estou incomodada,
Acabo de perceber que não sou normal
Sou machucada e perturbada.
Sofro por causa dos restos,
Merecia algo novo, consolador;
Sei que vem...
Ou já veio e não vi, ou não vejo.
São desgraças que estão surgindo do amor
Estou conhecendo-as... Pouco a pouco.
cléo
Enviado por cléo em 14/11/2007
Código do texto: T737462
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
cléo
Jardim do Seridó - Rio Grande do Norte - Brasil, 34 anos
143 textos (7927 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 15:56)
cléo