Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Primeira vez

O rosto rubro de pudor leve
Como as pétalas das flores,
Na inocência dos brancores
O desejo na pele macia descreve.

Apenas um sorriso sereno e breve
Para marcar teu vermelho de pudores,
Acariciando a macia, como purificadores,
Pele tua tão branca quanto a neve.

Em meus braços a puritana vira fera
Inundando de gemidos a atmosfera
Que no quarto dantes estava fria,

E os seios redondos estremecem
A volúpia e o prazer crescem
E esquecida do pudor, vira "vadia".
Jeff Condol
Enviado por Jeff Condol em 15/11/2007
Reeditado em 15/11/2007
Código do texto: T738728
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jeff Condol
New York - New York - Estados Unidos
802 textos (112108 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 07:56)
Jeff Condol