Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No carrossel da vida

É no despertar do nada sentido e criptado,
Do limbo da alma,de um não sentir,
Da poesia louca,de um não amar,nunca amado,
Ah!,metamorfose que tudo transforma em abrir!

Música de artistas que compõem para nós,
Na imensidão dos dias que ninguém entende,
Nos corações perdidos,em mim,em nós,e que já não têm voz!
No carrossel do dia,sentimentos díspares de quem sente.

Ah loucura diária,que sempre na brisa, sem brisa vem,
Ah,dias tristes,correndo assim tristes!
Ah,passagem pela vida,perguntando o que ela tem!
Ah,vida triste e criptada,diz-me no meio do sorriso,nunca a sentiste?

jose duarte
Enviado por jose duarte em 16/11/2007
Reeditado em 16/11/2007
Código do texto: T739947

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jose duarte
Portugal, 48 anos
63 textos (12814 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 20:15)