Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DOR DE CABEÇA

Senti orgulho de mim ontem
Fato que há tempos não ocorria.

Pela primeira vez em meses
Olhei a minha face refletida no espelho
E senti o êxtase da empáfia.

É um ato milagroso
Voltar a ter o controle
Da sua própria, pequena e ignóbil,
Vida mundana.

Mas isso não impede
Que os meus pés sujos sintam frio,
Nem que eu possa visualizar um futuro
Suntuoso pela frente.

Futuro esse que levarei
As minhas decisões e sonhos
Até as últimas conseqüências.
mário cardoso
Enviado por mário cardoso em 17/11/2007
Código do texto: T740972

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site http://recantodasletras.uol.com.br/autores/abelha). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
mário cardoso
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 32 anos
370 textos (15028 leituras)
3 áudios (243 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 12:06)
mário cardoso