Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
CHAMEI POR VOCÊ!....CHAMEI...CLAMO
****************

Chamei por você!

O som era doce quando saía da garganta,

mas, repentinamente, perdeu-se na

longínqua estrada da vida!


Repercutiu na esfera do vazio todos os

sinais que tentei suspirar...


sabia que ouvia meu grito,

mas cantei apenas!


Cantei por entender que é preciso deixar

melodias no entorno do tempo e

com isso almejei contornar o meu momento

na iniciativa de mudar a realidade tão fria!


Chamei!...


Chamo neste momento o som que saiu para

não incorrer no erro de repetir seu nome,

mas continuarei chamando qualquer outro nome que não seja som repetido!...


Chamarei sempre!...


Chamarei....


Chamo...


clamo!


©Balsa Melo

10.11.06

Cabedelo - PB

BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 18/11/2007
Código do texto: T741913
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87772 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 02:29)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)