Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Renovo

Levanta-se no horizonte a poeira
De um rosto iluminado e risonho,
Que encontrou no fim de um sonho
Amor maravilhoso de alma inteira.

Amor nascente no olimpo a beira
Do lago do olhar doce e sedonho,
Carente porém de carinho pidonho
Com perfume roubado de roseira.

Sentimento que apaga a dor do insano
Antigo amor pecador e profano
Nos caminhos da vida o estrovo,

No faiscar da aurora me espelho
Deixo morrer o dia triste e velho
Para abraçar a luz de um dia novo.
Jeff Condol
Enviado por Jeff Condol em 19/11/2007
Código do texto: T743757
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jeff Condol
New York - New York - Estados Unidos
802 textos (112119 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/17 23:58)
Jeff Condol