Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ROTEIRO EM QUATRO SEQÜÊNCIAS

Seqüência Zero Um

o olho objetivo do homem
caminha em panorâmica lenta
(campo contracampo)
panorâmica para a esquerda
detalhe de um país da américa latina
(canto contracanto)
o mocinho caminha pela trilha sonora
sem cavalo, em câmera lenta
fusão com jogo no maracanã
fla-fluindo em domingo de sol
jogadores correm 16 quadros por segundo
carlitos é o juiz da partida
medium shot chuta violento bola fora de campo
desfoque na cartola de chaplin (vaias em bg)

Seqüência Zero Dois

travelling de acompanhamento
cachorro cápsula pelo espaço
viajestrelando direção lunar
detalhe de patas contracenando
para a terra em contre-plongée
corte (campo contracampo)
grande plano feminino rubinstein
zoom-in até close menina dos olhos sorrindo
mise-en-scène perfeito

Seqüência Zero Três

câmera na mão que segura carrinho
preto & branco briga de faca em 70mm
sangue sino herbert richers rouco enferrujado
escurecimento em íris
grande angular no tripé rolo rodando
100 pés filmam homem de muleta em chapliniana
vista vision tropicolor da amazônia
fusão com noite americana

Seqüência Zero Quatro

a teleobjetiva busca einstein pelo espaço
camaralentograficamente plano geral do cosmos
câmera alta galáxia distante
eisenstein monta uma filmonave
mergulho de câmera até a fossa de java
escurecimento completo
luz mais luz camaração
onde estão os irmãos lumière?
o filme prossegue viagem sem continuidade
até plano americano: marylin monroe & james dean
marylin morta & james dead
fusão com trilha sonora de eternidade
uma lágrima de luz estoura na tela

(Poema escrito em 1970, em Brasília, quando eu acabara de me formar em jornalismo pela UnB e estava de namoros com o cinema e com a televisão... durante uns 5 anos fui roteirista de programas de televisão educativa em São Paulo...)
José de Castro
Enviado por José de Castro em 23/11/2007
Código do texto: T749323

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José de Castro
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 69 anos
2304 textos (688441 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 18:16)
José de Castro