Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Clichês inatacáveis

A pátria tem que ser sempre AMADA
O povo tem que ser sempre BOM
A mãe tem que ser sempre AMOROSA
O filho tem que ser sempre REBELDE
Os amigos têm que ser sempre ÚNICOS
A esposa e o marido, FIÉIS
O Céu, LINDO
O inferno, HORRÍVEL
A terra, NO MEIO
Os jornais, TÉCNICOS
O professor, CARINHOSO
O aluno, RESPEITADOR
O mundo, HARMÔNICO
A natureza, BONDOSA
A família, CÉLULA DA SOCIEDADE
Todas as coisas, EXATAMENTE COMO SEMPRE FORAM

Nosso cérebro, assim, SEMPRE DOS OUTROS

Qualquer um que vença a guerra, GLORIOSO
Quem perdeu, UM HITLERZINHO ASQUEROSO

E se uma vez a família te ampara mas sufoca
ou te condena por isso extermina?
talvez
há muito esterco
onde está escrito PURPURINA
e é UM onde se lê TRÊS
onde eu deveria me achar
eu me perco
onde antes era sorte
hoje é azar
onde era norte
hoje é sudeste
onde havia festa
hoje há peste
nesta
rua
seminua
mas seguem os clichês
sua função é seguir, PARA TRÁS.
São tão óbvios, que me perguntei uma vez:
a tal da morte, será mesmo sempre PAZ?...

Marcelo Moraes Caetano
Enviado por Marcelo Moraes Caetano em 24/11/2007
Código do texto: T750913

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (MARCELO MORAES CAETANO). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Moraes Caetano
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
246 textos (13395 leituras)
87 áudios (5917 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 19:18)
Marcelo Moraes Caetano