Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Litígio do Tempo ( Dueto )

       Litígio do Tempo

Soni@ Pallone

"...Escapei do abstrato...
Sensibilizei a indiferença
e me entorpeci sozinha
com o cheiro da realidade...
Vivi minhas paixões
no melhor
e mais intenso rítmo
Gargalhei de todos os sorrisos
e chorei com todas as lágrimas
Perdoei com o dom dos deuses
que simplesmente secam
as feridas do depois
Minha luz brilhou
e atingiu a tua íris
E agora a minha mente
 é um juiz irrascível
que trabalha árduo
 no tempo do meu arrependimento..."

TEMPO SEM SER
zelisa camargo
..
Tempo que nem sentimos e tudo passa tão rápido que quando acordamos vemos a vida de um outro colorido.
Tantas lágrimas rolaram,
Tantos sorrisos iluminaram nosso viver.
Hoje... o tempo se esvai lento e uma tristeza solitaria nos acompanha dia a dia que perdemos
o jeito de caminhar
e até de amar.

zelisa camargo
16.03.05
20.55
ZEL
Enviado por ZEL em 23/03/2005
Código do texto: T7545
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZEL
Aparecida de Goiânia - Goiás - Brasil, 69 anos
311 textos (33908 leituras)
8 e-livros (802 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/16 00:12)
ZEL