Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tardes Tropicais - Ao rio Luachimo

AO RIO LUACHIMO




Fecho os olhos e vejo aquela paisagem
Tão longínqua, de tardes amenas;
Meu Luachimo,ladeado de arvores serenas
Que saudade…havia magia na tua margem


Tardes inesquecíveis, tão quentes…
Sentidas como uma canção…
Eu cantei ao rio e seus afluentes
Como se fora uma oração…


Cantavam as aves como uma sinfonia,
Havia alegria,o dia ia desfalecendo
Por aquelas horas felizes, eu partia…


Tardes da minha mocidade…não esqueço
E, no seu remanso, o rio ia correndo,
Fecho os olhos  em êxtase permaneço…



Odete Simões
Enviado por Odete Simões em 27/11/2007
Código do texto: T755016

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Odete Simões). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Odete Simões
Portugal, 91 anos
68 textos (408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 16:58)
Odete Simões