Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NO MESMO RECANTO

No mesmo recanto do meu quarto,
sem nada me dizer, você me aparece,
e traz sempre consigo o que é seu.

De nada fala, apenas algo
murmura. Quer sempre um pouco
mais do néctar que sempre fora meu.

Meu corpo ao seu se aliena,
por horas até flerta, e assim sem mesmo
pedir, possui o que de mim ainda resta.

Oh! Miserável criatura...
Por que durante toda a noite sugas
tudo que é meu?

Alexandre Oliveira
Enviado por Alexandre Oliveira em 28/11/2007
Reeditado em 28/11/2007
Código do texto: T756516

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Alexandre Oliveira - www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Oliveira
Cabedelo - Paraíba - Brasil
2551 textos (230249 leituras)
2 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 18:49)
Alexandre Oliveira