Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Apagador De Memórias

E não consigo
escrever uma poesia.
Nada.
Nem uma linha.
Só bobagens.

Que coisa mais miserável
que está minha inspiração.
Mas também,
me inspirar em quê?

Me diz:
Inspirar em quê?
No meu jardim?

Tenho até medo de ir lá.
Tenho medo de chegar lá
e encontrar um vazio,
um branco.

E tenho medo de largar
algum rabisco lá
e daqui um tempo
passarem o apagador
de memórias outra vez.

Parece que virou mania.
Passa um tempo
e lá vem ele,
o apagador.

E lá se vão as palavras,
para a lata de lixo.

Mas não valem nada mesmo.
Se valessem,
isso não aconteceria.

Por que será que vou lá
deixar aqueles rabiscos?
Ainda acredito que são lidos?
Ainda acredito
que alguém se importa?

Tola.
Como você é tola mulher.
Nunca vi pessoa
tão tola assim...

Ai de mim,
ser tão tola assim....
Maria
Enviado por Maria em 01/12/2007
Código do texto: T760021
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4731 textos (191780 leituras)
1 e-livros (113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 05:16)
Maria

Site do Escritor