Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONNET 102 _ (William Shakespeare) _Adaptação para a língua portuguesa por Tânia Meneses

My love is strengthened though more weak in seeming,
I love not less, though less the show appear,
That love is merchandized, whose rich esteeming,
The owner's tongue doth publish every where.
Our love was new, and then but in the spring,
When I was wont to greet it with my lays,
As Philomel in summer's front doth sing,
And stops her pipe in growth of riper days:
Not that the summer is less pleasant now
Than when her mournful hymns did hush the night,
But that wild music burthens every bough,
And sweets grown common lose their dear delight.
Therefore like her, I sometime hold my tongue:
Because I would not dull you with my song.
*********************************************
Consideras pouco, mas é muito que te amo.
Eu não saberia demonstrar-lhe o bastante,
Avaliar-lhe o significado e o dano.
Pelo mundo o proclamo, não obstante.

Nosso amor nasceu  era plena primavera,
Quando tanto se duelou contra mentiras.
Igual cantava a cotovia, em outra era
Ensolarada. Não só eu, mas tu mentias.

O pássaro calou tão logo o belo canto
Sem o sol cessasse o brilho àquele instante
A noite entristeceu, silenciou em pranto,
Cansada de levar nos ombros o cantante.


Desta mesma forma é que impeço minha língua
De te importunar com meu repetido canto.


TÂNIAMENESES
Enviado por TÂNIAMENESES em 01/12/2007
Reeditado em 02/12/2007
Código do texto: T760890
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TÂNIAMENESES
Aracaju - Sergipe - Brasil, 69 anos
1684 textos (176347 leituras)
1 áudios (102 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 23:15)
TÂNIAMENESES