Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BRASIL O REI DO JURO

BRASIL O REI DO JURO

Mário Osny Rosa

Não sou o rei eu juro
Mas o juro é um rei.
Assim o povo morre
Ninguém o socorre.

Juro que vai melhorar
Como também vai baixar.
E ninguém vai penalizar
E o povo vai se salvar.

Jurar é preciso eu juro
Não estou bem seguro.
Logo se o chefe mandar
Juro que o juro vai baixar.

Se eu juro, que o juro,
Pode até mesmo cair.
Não estou bem seguro
Mas, posso até mentir.

Se o pobre vai ficar rico
Ou o rico vai ficar pobre.
Juro, pagando esse juro,
Qual será o mais nobre.

Nessa história do juro
Juro nem sei quem é rico.
Sempre que o mensuro,
Penso nesse ponto critico.

São José/SC, 25 de novembro de 2.005.
morja@intergate.com.br
www.mario.poetasadvogados.com.br



Asor
Enviado por Asor em 25/11/2005
Código do texto: T76271
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Asor
São José - Santa Catarina - Brasil
1677 textos (36866 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:15)
Asor