Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LIBERDADE

Quero jogar
para o lado
as minhas sandálias.
Catar gravetos
e no meio da areia
armar uma fogueira.
Quando as labaredas
se fortalecerem
quero dançar diante dela.
Dançar descalça até ficar zonza.
Quero me embriagar
com a alegria
de poder dançar livremente.
No meio da noite
quero me sentar
diante das brasas
e olhar.
Olhar o céu pontilhado de estrelas.
Sentir a friagem
da noite e deixar
a pele arrepiada
sem intenções de me agasalhar.
O sereno a cair...
Deixar-me ficar...
até uma manhã
nascendo
poder assistir.
SONIA DELSIN
Enviado por SONIA DELSIN em 03/12/2007
Reeditado em 12/04/2011
Código do texto: T763389

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SONIA DELSIN
São Carlos - São Paulo - Brasil
4561 textos (80341 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 16:40)
SONIA DELSIN