Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Gritar_ia

minha alma está estilhaçada,
pedaços inteiros caíram no chão,
faltou oxigênio em meus pulmões
para segurar tamanha dor

ando de uma rua a outra
como se procurasse abrigo,
meu caminhar parece perdido,
vou como um cão raivoso

minha mãe, coitada!
sempre disse que eu era uma gracinha
se me visse agora
certamente diria outra coisa

meu mundo virou de pernas para o ar
feri-me de morte
ou melhor, cortaram-me os pulsos
enquanto eu sonhava e dormia
Pedro Cardoso DF
Enviado por Pedro Cardoso DF em 04/12/2007
Código do texto: T764332
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Cardoso DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 69 anos
4452 textos (97422 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 09:39)
Pedro Cardoso DF