Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E se tanto olho as estrelas...

E se tanto olho as estrelas
Elas também me observam
E se tanto desejo
Pois assim também as quero
Ante o caminho sem luz
Ao menos o seu brilho
Cortando a espera ao meio
Pela nova estação que chega
Olho para as estrelas
E se tanto observo
Elas também desejo
Tanto assim que quero
Pois também sou solitário
Sem luz desse seu brilho
Cortando o caminho que espero
Ao meio na nova estação
Desta que anda sem o seu brilho.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 24/03/2005
Código do texto: T7700
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 56 anos
3231 textos (120196 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 02:01)
Peixão