Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tenderness

É uma janela entreaberta
Um grito sentido no ar
O beijo ao acaso
Um caso de amor
É o seio partido
Um rio, uma vida
Um copo tragado
A hora da partida
O rasgo de êxtase
A simplicidade quando acorda
A música em fase
Uma sombra que cala a batida
É o lenço na porta do quarto
O balanço em forma de ritmo
O gemido na hora do parto
O mar e o vento marítimo
É o seu corar de tão pudica
O relento entre os baixos
A amante chata e estúpida
E a angústia por não lhe roubar outros beijos.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 25/03/2005
Código do texto: T7824
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120255 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:31)
Peixão