Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SILÊNCIO

SILÊNCIO

Silêncio pela morte;
Silêncio pela pobreza humilhante;
Silêncio pela riqueza degradante;
Silêncio pela falta de respeito;
Silêncio pela falta de amor;
Silêncio pela mágoa;
Silêncio pela mentira;
Silêncio pela crueldade do mundo;
Silêncio pela depredação da Terra;
Silêncio pela falta de ética;
Silêncio pela degradação dos homens;
Silêncio pelas vítimas de guerra;
Silêncio pela deterioração do trabalho;
Silêncio pela exploração das crianças;
Silêncio pela insatisfação do trabalhador;
Silêncio pela vida;
Silêncio para apreciar o  trabalho da natureza;
Silêncio pela contemplação da beleza;
Silêncio para ouvir um pássaro cantar;
Silêncio para ouvir o barulho da chuva na mata;
Silêncio para ouvir a água no córrego;
Silêncio, sobretudo, para ouvir a consciência.
Silêncio por favor!
Mario Rezende
Enviado por Mario Rezende em 30/11/2005
Reeditado em 30/11/2005
Código do texto: T78982

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Mario Rebelo de Rezende). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
689 textos (50922 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:17)
Mario Rezende