Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UMA DESPEDIDA

Os cantos do Rio estão em choro
Como as palavras também, que dirá o mundo
Cores, flores, o ar, o mar,
Pessoas, as coisas do mundo
Este escrevinhador
Outros também
Todos enfim, todos
Ele já não está mais entre nós
Só sua recente memória,
Seus livros, suas palavras
Poucas, mas seguras e certas
Quem não o conheceu, em breve saberá porque
Quem conheceu, por muito, muito tempo se lamentará
O que mais dizer...
Mais nada
Reverenciar, sim, sempre e sempre
Sãos as pedras em nossos caminhos
No nosso caminho, são as pedras
Além da dor e da saudade, fica a eterna lição
Que lição é essa?
Cada um, a seu tempo compreenderá
Por agora, só nos resta o adeus
Um quase amargo adeus deste seu desconhecido.
Valeu Drumonnd.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 26/03/2005
Código do texto: T8016
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 56 anos
3231 textos (120196 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/16 22:37)
Peixão