Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
UM SENTIMENTO VAZIO



O pensar voa, passa montanhas,
Sobrevoa os teus lábios,
E carrega o teu coração.

O grito da distância não se ouve,
Ruge dentro de mim,
E bate forte como um furacão.

És tu que vence o perigo,
Dentro do meu ser eterno,
Na alma pálida e desvalida.

Escravidão latente do meu eco,
Na esperança de sentir,
Não vejo sol e nem o mar.

Assim, no abstrato das horas,
Passeando no teu encontro,
Eu não consigo te afagar.

Sinto bater no corpanzil,
Frio no alto do corcovado,
Raiando sol da meiguice febril.

Da película dos sopros em brisas,
Não posso te pegar e nem abraçar,
Vou bailando no ar, até um dia encontrar.



ERASMO SHALLKYTTON
Enviado por ERASMO SHALLKYTTON em 02/12/2005
Reeditado em 28/09/2011
Código do texto: T80237
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ERASMO SHALLKYTTON
Caxias - Maranhão - Brasil
4168 textos (2055107 leituras)
1 áudios (971 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:51)
ERASMO SHALLKYTTON

Site do Escritor