Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONSTATAÇÃO

Eu te amaria ainda que não fôras
adélias prados
coras-coralinas
porque tu és esmeraldas,
turmalinas,
tuas palavras são encantadoras...
 
Eu te amaria,
não sendo tu clarices
nem é preciso
que tu sejas brunas
pois teus poemas,
iluminam brumas
e teus escritos nunca são tolices.
 
Eu te amaria, não sendo tu cecília
não exalando
o perfume de florbelas
porque teus versos
pintam aquarelas
porque me basta que tu sejas
                                          líria !
 
BH – 01.12.04
 
   



lisieux
Enviado por lisieux em 26/03/2005
Código do texto: T8052
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lisieux
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 61 anos
394 textos (14417 leituras)
3 e-livros (409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 19:07)
lisieux