Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem dizer nada,...

Sem dizer nada,
Sem falar tudo,
Sem ouvir algo,
Sem um gesto novo,
Sensação de não ser,
Sentir sem sentir,
Sensível caminhar,
Sensato pensar,
Sentinela logo ao alto,
Setembro que não chega,
Semente pelo chão,
Severa personagem,
Seca minha visão,
Serragem vai ao léu,
Serena ao caminhar,
Sentado no caminho,
Sentado no cantinho,
Sentado, senta, sentar,
Semântica paixão.

Caso nem tenha pensado em que momento estamos, desse 1.999, deste abril sem parar, desta vida cotidiana, deste espaço semi-branco, dessas linhas mal-escritas, desse escriba solitário.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 28/03/2005
Código do texto: T8229
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120250 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:57)
Peixão