Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

***TENHO MEDO DA CHUVA***

***TENHO MEDO DA CHUVA***

 

 



Por que?  As lágrimas começam a rolar,

Quando o tempo prepara seu ritual para chuva chegar,
Enquanto ouço os trovões,

Fico olhando os relâmpagos e começo a meditar

 Choro como criança com medo da chuva

E não consigo entender o por que?

Fico mirando as nuvens no céu

Todo um ritual cheio de cumplicidade

O mistério entre elas começa a interagir.

Tento entender a sessão de cores

Que começa no céu surgir

Nuvens negras e obscuras

Trazendo o medo e o terror

Nuvens brancas e lindas como o ártico

Mostrando paz e equilíbrio.

Outras vezes somente um tom avermelhado,

Mostrando o por do sol no firmamento.

Levando-me a flutuar e sonhar

Penso muito, e não consigo entender.

E depois que a chuva passa

Outro mistério a me confundir

Muitas vezes vem um lindo arco-íris

Trazendo junto à esperança e o amor

Aliança que o pai criou junto à arca.

Prometendo ao homem nunca mais haver dilúvio.

E difícil entender os desígnios de ***DEUS***

E hoje aqui nesta praia quase deserta estou eu a refletir.

Vendo o nascer de mais uma esperança na linha do horizonte.

Se fosse vermelho seria como sangue,
Mas não é... Dourado a cor do ouro

Representa luz, traduz amor calor que vem do divino.

Medo expressa tristeza, diante de tanta beleza não pode ser.
Jamais sentirei medo de novo

Medo da chuva e coisa do passado
 Eu não vou mais chorar, serei mais tranqüila.
 A chuva traz paz à cor da alegria
são como pétalas de rosas brancas caindo no mar,
Não são lágrimas como meu coração me dizia...
São pérolas preciosas trazendo alegria.
Agora só irei chorar de alegria.

De saudade ou felicidade

Nunca por medo...

 

 

 

Autora Nadir Vilela

(direitos autorais reservados)

Em 06-10-2005 Brasil-Angra dos Reis

 

Nadir Vilela Poetisa
Enviado por Nadir Vilela Poetisa em 10/12/2005
Código do texto: T83752

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nadir Vilela Poetisa
Itatiaia - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
572 textos (84745 leituras)
63 áudios (23024 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:32)
Nadir Vilela Poetisa