Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

***MISTERIOS DA NOITE NA CIDADE DA GAROA***

***MISTERIOS DA NOITE NA CIDADE DA GAROA***

 

 

Noite linda e misteriosa

Eu pela cidade a rodar

Junto com meus amigos

Tantas belezas a contemplar.

 

Nesta cidade de garoa

Estou eu a delirar

Apreciando as coisas boas

Que existe neste lugar.

 

E me vejo derepente

Em uma casa noturna a meditar

Aonde todos se reúnem

Para seus destinos procurar.

 

E ali eu estava

Querendo me divertir

Mas algo me perturbava,

Eu não conseguia me distrair.

 

Sei que e muito estranho

Eu não consigo me entender

Sem querer eu viajei na sua mente

E nos seus olhos eu vi, seu destino seu pensar.

 

E Assim eu fiz com todos

Que estavam naquele lugar

Esse mundo e muito estranho

Eu não quero com isso compartilhar...

 

O meu ***DEUS***eu não compreendo

Como posso ser assim

Estava ali com meus amigos

Querendo me divertir

 

E logo vem o meu destino

Querendo me mostrar

A realidade da vida

Que existia naquele lugar

 

Cidade linda maravilhosa

Cheia de encantos e magias

Mas o que eu via naquelas mentes

Vinha a me deprimir.

 

 

Por que não consigo esquecer

Um determinado olhar

Demonstrando felicidade

E um vazio profundo em seu lugar.

 

 

Ali eu conheci uma das faces

Deste mundo enganador

Que te leva, e te laça.

Trazendo-lhe grande dor.

 

Muitos procuram alegria

Esperando nestes lugares encontrar

E esquecendo a única porta

Que a felicidade poderia lhe dar...

 

Vi várias pessoas tristes

Que o mundo não sabem encarar

Buscando a tal felicidade

Perdidos naquele lugar...

 

Disfarçando os seus olhares

Tentando se enganar

Mostrando uma falsa alegria

Más com tristeza no olhar.

 

Vi pessoas alegres e sorridentes

Com muita satisfação

Querendo somente se divertir

Relaxando seu coração...

 

Alegria e consistência

Cheias de amor e paixão

Cuidado, temos que ter persistência.

Para não cair em tentação.

 

Vi pessoas solitárias

Sem alegrias sem emoção

Trazendo dentro do peito

As marcas de uma paixão...

 

E muito triste a dor da perda

O sentimento de rejeição

Pois traz esta dor na alma

As lembranças de uma traição.

 

 

Vi pessoas motivadas

Com idéias, pensando no povão.

Tentando abrir mais portas

Para levar a paz e tranqüilidade a outros corações...

 

Assim vi um grande amigo

Mostrando para nós sua criação

Quando comentou seus projetos

Tinha nos olhos muito amor no coração.

 

Vi pessoas sem idéias

Sem alcance sem direção

Precisando de ajuda

De quem possa lhe dar a mão...

 

Esta e uma triste sina

Passar pela vida sem razão

Pois faltando sabedoria

Vai seguir sem ter visão.

 

Vi pessoas criativas

Com o mundo inteiro a sua frente

Más precisam de um amigo

Que abram a sua mente...

 

Muitas vezes nesta vida

Não conseguimos enxergar

Que temos dons divinos

E podemos o mundo ajudar.

 

Há muitos necessitados

Por este mundo a vagar

Que precisam de seus cuidados

E o carinho que vocês possam lhe dar.

 

 

Meu amigo só você pode me entender

Pois vejo em sua alma a mesma semente

E estava ali na minha frente

E me pegou a sua mente pesquisar.

 

 

 

Autoria Nadir Vilela

(direitos autorais reservados)

Em 17-10-2005 São Paulo-SP

 

 

 

 

 

Nadir Vilela Poetisa
Enviado por Nadir Vilela Poetisa em 10/12/2005
Código do texto: T83855

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nadir Vilela Poetisa
Itatiaia - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
572 textos (84745 leituras)
63 áudios (23024 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:27)
Nadir Vilela Poetisa