Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tenra Idade

Meu irmão, uma jovem e eu

Estávamos sentados na cerca de um curral sem vacas

Olhando o céu encoberto do deserto paraíso.

Logo adiante se empilhava a lenha.

Tentei encarar tudo como absurda loucura

Sem por um instante me dar conta de que era sonho.

A nudez de meu irmão me incomodou

E a nossa companheira me disse que comigo se pintava com prazer:

“Metade de uma pessoa é o que ela é

E metade é como a vêem”,  sentenciou a moça

E eu,  pensando em Deus: “ninguém se basta a si mesmo”.
Nelson Oliveira
Enviado por Nelson Oliveira em 11/12/2005
Código do texto: T84626
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson Oliveira
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 55 anos
345 textos (25576 leituras)
2 áudios (313 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:52)
Nelson Oliveira