Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Importante

O importante agora já não importa.
Pergunto o que importa, ninguém responde.
Eu entro em mim mesmo e tranco a porta,
Abro a janela e fujo não sei pra onde.

Na busca aplicada em me perder
Descubro estrelas nuas vestindo o céu.
Eu sou um cego errante que tudo vê.
Eu sou toda doçura do amargo fel.

De tudo o que possuo, nada é meu.
Apenas um mar seco de azul cortante
Restou entre as ruínas de um triste Eu
E nada mais que valha é importante.
Doador de Poemas
Enviado por Doador de Poemas em 13/12/2005
Código do texto: T85271
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Doador de Poemas
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 38 anos
42 textos (1358 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:35)
Doador de Poemas