Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Além

Ontem  recebi uma grande notícia

Então pulei, e pulei,
Mas não era felicidade,
Perdi um filho tão jovem,
Então pulei, e pulei,
Queria alcançar o céu, recuperá-lo,
Queria encontrar Deus,
Interrogá-lo,... porque ?


Hoje suspirei profundamente,

Mas não era amor,
Em minha mão uma arma , uma bala cortou o céu,
Atravessou o meu chapéu,
Então suspirei , nem disse adeus,

Amanhã, vou ver meu filho,

Lá no céu, com os anjos...como um anjo,
... já faz muito tempo que estou aqui,

não existem flores, nem pôr do sol,
existem noites, sem lua,
cidades sem rua, desespero, solidão,
não vi meu filho, pois aqui existem divisões,
de um lado as pessoas boas, vitimas, velhos,
e do meu lado os covardes, os desencorajados,
pessoas que se perderam no mal da vida,
 
...então pense...pense muito bem...

às vezes chegamos às ultimas conseqüências,
tentamos tudo por algo, ou por amor,
damos a própria vida,
mas se existir mesmo esses dois lados
que sirva de exemplo para nos seres humanos,
- tirar a própria vida
não é a melhor maneira de encontrar a felicidade,
mas sim nos mantermos vivos,firmes, e fortes,
cada um com sua crença,
com seu modo de levar a vida,
mas sempre levando ela pra frente,
pois lá na frente, talvez bem na frente,
Deus, lhe mostrará, o quanto valeu a pena ter lutado.
GG
Enviado por GG em 13/12/2005
Reeditado em 13/12/2005
Código do texto: T85493
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GG
Orlândia - São Paulo - Brasil, 34 anos
24 textos (1259 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 23:57)
GG