Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Lua me enxerga cheio...

A Lua me enxerga cheio
Névoa amena deste maio
Luz que me brilha, estes olhos
Da falta que faz tantos carinhos
Sem ver o que passa pelo dia
Sem ver o fim da noite que passa
O tempo se esvai calmamente
A Lua procura, farta e cheia
Aquele que é só, Lua inteira
A voz que se cala na partida
Esperando o amanhã que cala
Como se cala o coração que espera
Por mais um minuto, segundo que for
Outro beijo, que fica para depois
Outro olhar, em noite sem Lua
Nesta rua escura.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 29/03/2005
Código do texto: T8558
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:18)
Peixão