Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

???

como um Raio – um desses fracos,
                                                            algo risca os céus.


                             houve-se um berro estridente!


                                                           anjos
                                                                            arcanjos,
                             até demônios,

                                                cercam a pálida figura do Bode.


                       pipocam obscenidades
                     os profetas (ah, os profetas!) estalam seus chicotes,
                             as cidades trincam,
                                                             e o povaréu, iludido,
                            é incitado ao linchamento.


                            todos, no mais carnavalesco cinismo,
                                                                                      lambendo os beiços,
                            entoam hinos,
                            instalam refinadas liturgias
                            e bendizem ao Bode Expiatório.


                            matando-o foram-se nossas culpas e luxúrias.





                                                                                     
Ary Carlos Moura Cardoso
Enviado por Ary Carlos Moura Cardoso em 17/12/2005
Reeditado em 18/05/2011
Código do texto: T87122
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Normal.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ary Carlos Moura Cardoso
Palmas - Tocantins - Brasil
1003 textos (256610 leituras)
1 áudios (294 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:32)
Ary Carlos Moura Cardoso