Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOB AS ÁRVORES

Sob as árvores da minha terra
Há um encanto e um frescor,
Uma paz que se estende
Até onde a vista alcança.

Sento no banco da praia
À sombra do chapéu-de-sol
Olhando o sol que se vai.
Extasio-me com o cenário,

Percebido, somente, pela alma,
Centenas de anjos em algazarra
Cerrando o portal do dia
Para descanso dos laboriosos.

Abrem-se as cortinas da noite.
Inicia-se o eterno espetáculo
Da lua e estrelas em palco negro
Desempenhando seus papéis

De encantadores de namorados
Caminhando enlevados
Ao som de invisíveis violinos
Executando romântica melodia.

O mar levanta as saias,
De brancas rendas, das ondas,
Para a lua, mágica, pintar
De ouro a orla da praia,

Na tela dos meus olhos,
Com a paisagem de graça e viço
Plantada por ordem do Criador
No solo da minha terra.

30/12/04.
Maria Hilda de Jesus Alão
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 31/03/2005
Código do texto: T8816

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Hilda de Jesus Alão
Santos - São Paulo - Brasil
848 textos (343058 leituras)
19 áudios (10579 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:07)
Maria Hilda de Jesus Alão