Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MOMENTOS INFINITOS

É assim, por conta dos momentos , e eu tento viver cada um deles infinitamente - porque o fim não é razão para limitar um sentimento - que faço de cada canção que ouço, uma lembrança do teu sorriso. Por vezes me pego cantando algo que ninguém cantou, ninguém se atreveu a tocar, até por inexistir tal variação de notas, mas canto do coração, com o coração, canto com a força dos sonhos, no tom suave de uma poesia fossilizada pelo tempo e pela força de uma paixão. Não me conheço compositor ou músico, mas atrevo-me a tocar uma lembrança, embalada nos mares e nas noites que a solidão me pede carinho. E assim, num ritmo sem compromisso e na mais complicada das simplicidades, eu arranco de uma pedra, que lançada ao mar, transforma um sonho e uma imagem, a mais maravilhosa das canções, aquela que me furta a saudade e vislumbra um horizonte de beijos, tudo na presença de um rosto de mulher, aquele que eu crio em tudo, e de tudo que a razão insiste em me tenta impedir. Vivo sim,cada momento, com tempo infinito, para viver para sempre um amor que teima em me fazer feliz.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 31/03/2005
Código do texto: T8833
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
732 textos (54104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:15)
Jose Carlos Cavalcante