Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou louca!

Sou louca quanto te amo
no silêncio da minha paixão.

Sou louca quando sinto-te em
meus lençóis, em meus braços,
quando me tocas e me beijas.

Sou louca quando sei que estás
a meu lado e te posso sentir, tocar.

Sou louca quando nos teus braços
vejo a lua iluminar nosso amor.

Sou louca quando nosso amor é louco
e no silêncio da escuridão
nos entregamos um ao outro

Sou louca quando te amo com paixão.

Sou louca quando sei que tu não estás
e não estarás mais, mesmo assim quero-te amar,
acariciar, sentir o calor da tua pela na minha.

Sou louca quando sei que não te posso ter,
mas posso amar-te até há existência do meu SER.

Débora de Andrade
Enviado por Débora de Andrade em 19/12/2005
Reeditado em 30/08/2008
Código do texto: T88491

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Débora de Andrade
Portugal
58 textos (3727 leituras)
10 e-livros (199 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 19:57)