Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fora de Controle

Quando mergulho no infinito do seu olhar
Encontro a paz que não consigo encontrar
Quando o prazer está longe do meu alcance
Imagino meus lábios com os seus como uma chance
De saciar a saudade e a vontade de te querer
As lembranças são muitas, mas ainda prefiro ficar com você.

Não quero            nesse verso          torta.
         que repare             de linha


Apenas repare naquilo que está a sua volta
E verá que nem tudo é tão linear.


Acredito           seja um         mem um pouco
       que a paixão      sentimento           linear.


Ela te faz rir, chorar, gritar e até matar.
Sem dúvida a paixão é algo bem complexo
A ponto de precisar escreve-la em linhas tortas.

A primeira estrofe é a paixão pura de uma pessoa
Versos profundos e inspirados
Mas um tanto quanto linear!!!

Quero
     Te beijar por          até fazer você ver
                  inteira                    estrelas.

Quero
    Te virar       e fazer você confundir meu corpo
            do avesso                         com o seu.

Quero
     Te mostrar                 pode fazer
      o que a paixão       quando não se tem
 o controle.
 
Aliás desde quando paixão precisa de controle?


21/12/05
Miguel Rodrigues
Enviado por Miguel Rodrigues em 21/12/2005
Reeditado em 21/12/2005
Código do texto: T89124
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Rodrigues
Barueri - São Paulo - Brasil, 33 anos
1434 textos (42673 leituras)
6 e-livros (1681 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:14)
Miguel Rodrigues