Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Teu silêncio, Tua soberba





elisasantos


Dança abortada de uma alma
 Que se curva penitente
E em culto, ao silêncio,
  Fortaleza do teu eu...
Sem brisa leve do perdão,
Instrumento de solidão
E engenhoso sepulcro...
Urge um grito, um rito,
Que estilhace tua soberba.
 Revista-te da tecitura de seda
 e com leveza esvoaçante,
permita-te lançar-se
em vôo pleno ao diálogo,
aterrisando nos abraços
para  com teu irmão.
Entoar acordes,
Consolidando
Humildade
 E o milagre
Da  comunhão!

 






elisasantos
Enviado por elisasantos em 22/12/2005
Código do texto: T89503
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
elisasantos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
430 textos (24472 leituras)
1 áudios (91 audições)
4 e-livros (163 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:36)
elisasantos