Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"FALEI COM A LUA"

Oh! Lua! É silêncio é madrugada
saudades da minha amada
meu peito chora de dor!
Meus sonhos, são fantasias
que noite, que calmaria
que saudades desse amor!

Meu semblante está cansado
os meus passos são pesados
amor que corrói em mim,
a saudade é um tormento
só ela no pensamento,
é um amor que não tem fim.

Oh! Lua! Já é plena madrugada
essa minha voz cansada,
o silêncio causa á dor;
do doce beijo molhado
abraços que á ti foi dado,
restou do abraço o calor.

Oh! Lua! Que saudade do carinho
ao luar estou sozinho,
nessa angústia atroz;
lua, tu que és tão linda!
Será que ela volta ainda?
Nem prá chamar tenho voz.

Eu, que aqui falo prá lua
minha história nua e crua,
sei que a lua me ouviu;
já com pensamentos confusos
peço á ti entre soluços
sinto o que ninguém sentiu.
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 23/12/2005
Reeditado em 21/06/2006
Código do texto: T89941
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
3870 textos (257163 leituras)
185 áudios (36329 audições)
9 e-livros (7402 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:33)
Antonio Hugo

Site do Escritor