Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esse mundo é uma decaída...

Esse mundo é uma decaída
Tão estúpido com seus sons guturais
Nos tons anárquicos
Da fala louca
Suportado bravamente
Ante o ranço largo da hipocrisia
Tomada acesa, olho na lapela,
Uma cama descoberta, seminua
Nua, dança dos sonhos
O infinito perdido dos desejos
O respirar calmo
Uma certa paz
Fecha-se a porta
Volta ao mundo do escracho
Um céu aberto ao esgoto
O mesmo ranço
Vilipediando os olhos
Era uma natureza,
Agora é morta,
Uma morte idiota, trágica
Mas as bestas ainda caminham soltas
Rasgando os poucos sobreviventes
Desaventurados sobreviventes
Que ousam caminhar ante a podridão
Ante essa procissão macabra
Sendo rasgados, dilacerados
Numa manobra canibalesca
Cujo jorro repugna a viva alma
Abro a porta
Volto ao canto da minha paz
No que me resta desta água
No recostar da cama
Abraço essa calma e me deleito
Bem vivamente com os seus sonhos
Até que esse mundo possa ser melhor.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 01/04/2005
Código do texto: T9008
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:26)
Peixão