Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fontes que passam ao largo...

Fontes que passam ao largo
Fontes para todas as moedas
Tentativas para querer ir além
Além do que se quer ter
Largo o escuro dos olhos
Dentro da noite que devassa
A minha boca em sua boca, boca minha
Perdendo a fragrância agora
No calor do seu corpo
Bem que se quer, de novo
Fechar o senso, perder os olhos
Na próxima à direita
Perdão da Ilha
Fonte dos meus desejos de ontem
Sem outra a não ser esperar
E se, todos os dias
Acalentar o vivo brilho de sempre
Só me resta amar.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 01/04/2005
Código do texto: T9038
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120250 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 19:54)
Peixão