Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quanto a Você ...

Entenda assim.

A gente se afasta e se liberta.
É o certo. Não vou estar por perto.
Ficarão as sementes que plantei nos seus dias.
Germinará o que de belo foi semeado em mim.

Nos devolvemos aos nossos mundos.
Você retorna a seu inverno.
À brancura dos paralelos glaciais.

Eu fico com o Sol que incandesce
colorindo de luz os vapores tropicais.
No meu Rio de verão eterno.

Você leva esse olhar turqueza
Sua aura de guerreiro viking
e os matizes das auroras boreais.

Eu levo a certeza do vinho
na herança de meus ancestrais.
Retomo o insondável caminho.

Troco sonhos por realidade.
Sax e guitarra pela nua verdade
desse meu prosseguir sozinho.

Porque sou assim.
Ensino a liberdade.
Depois retorno a mim.

Reoriento meus sinais.

Eu persisto.
Eu insisto.
Eu existo.

E Helsink nunca mais ...


Claudia Gadini
28.12.05
Claudia Gadini
Enviado por Claudia Gadini em 28/12/2005
Código do texto: T91176

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Claudias Gadini). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Gadini
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
318 textos (54197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:46)
Claudia Gadini